Bem-vindos ao arquivo do Fórum!

Nosso fórum pode ter mudado, mas isto não significa que vamos esquecer de tudo o que veio antes. Neste arquivo, vocês encontram a história da comunidade do League desde a chegada do servidor ao Brasil. Tem de tudo um pouco: discussões, piadas, desenhos, tentativas de identificar as camadas do fórum e muito mais.

Então, navegue pelas lembranças e, depois, participe das discussões que estão rolando neste momento no novo Fórum do League of Legends e divirta-se com os outros membros da nossa Comunidade. Nos vemos lá!

Um abraço,
Ysanne

IR PARA O NOVO FÓRUM


League of Legends para quem é Surdo!

Comment below rating threshold, click here to show it.

DigDin Suuh

Junior Member

02-23-2015

Sou estudante de Libras e apoio a idéia!


Comment below rating threshold, click here to show it.

Maik Frost

Senior Member

02-23-2015

Enquanto isso nada da riot... rs


Comment below rating threshold, click here to show it.

Ironwill

Senior Member

02-23-2015

Citação:
4Mile:
Iniciando o Tópico pessoal, eu tenho como sugestão ao jogo, a edição de tutorias em níveis em libras! Acredite os não ouvintes tem um potencial enorme para games, uma vez que seu nível de concentração e bem maior que os dos ouvintes. Não existes jogos, com da proporção do LoL que atenda a jogadores com este tipo de deficiência. League of Legends poderá ser o primeiro a desenvolver ferramentas para melhorar a experiencia deste tipo de jogadores!

Então . . . O problema é, teria de ter alguém que entende Libra e faça tutoriais em Libra para surdos, porque é complicado mesmo. Esse alguém tb tem de ter um enorme tempo em mãos para fazer isso tudo e como o LoL sofre atualizações, nerfs, buffs, novos items, eventos, etc, etc, isso deveria ser constante.

Eu sei que é um pé no saco e até de certa maneira injusto, uma vez que o surdo já não tem algo que a maioria de nós tem, a audição, porém ele conseguiria melhores resultados em tudo se ele conseguisse desenvolver uma maneira a passar de Libra pra alfabeto normal e não sentir essa dificuldade toda ao buscar tutoriais na internet (o que inclusive diversificaria a gama de informação que estaria disponível a ele e o ajudaria em outras coisas na vida. Infelizmente é de fato um trabalho árduo passar tudo pra Libras para surdos e até o momento não sei se existe algum programa que faça isso).
O surdo nesse caso é como um estrangeiro dentro de seu próprio país e, até que se tenha uma boa ferramenta para poder ajuda-lo nisso, as unicas maneiras são pedir ajuda, como vc esta fazendo, ou aprender o contrario, aprender de Libra pra nossa escrita, uma forma de associar a escrita normal à linguagem de libra, uma vez que sem ser surdo as palavras não fazem sentido, imagens fazem sentido para ele portanto associar as letras e palavras às imagens em Libras seria uma maneira . . . tb não faço idéia de como ou do tamanho do trabalho que isso daria.

Procurei ler um pouco (não li tudo) e o conceito parece ser possível:
Gesto e sinal
Alguns pesquisadores acreditam que os gestos
representam uma forma mais básica da linguagem. Como os surdos não acessam a fala, os gestos fluem e são sistematizados tornando-se uma língua. Isso acontece quando mais de um surdo se encontra. Por outro lado, alguns linguistas questionam o fato de os gestos não se transforem em línguas em pessoas com a capacidade de falar. Se gesto seria uma forma de linguagem mais básica, por que os seres humanos optaram em falar? Bem, nós não vamos nos preocupar com isso. Nosso objetivo será discutir como os gestos e os sinais (ou a fala) se complementam e como eles se distinguem.
Na verdade, os sinais e os gestos interagem, assim como a fala e os gestos fazem. A diferença básica está nas modalidades que acabam interferindo de forma mais direta nas formas de produção dos sinais e da fala. A fala está associada ao gesto em diferentes modalidades. A fala usa o canal vocal produzindo combinações de sons para formar palavras e frases. Os gestos são visuais produzidos pelo corpo. Quando o gesto é produzido junto com a fala, facilmente o identificamos.


Uma vez que os sinais podem tanto representar fonemas e letras quanto palavras ou ideias completas, torna possível de um aprender o outro e vice versa, porém pode tornar ambíguo criar um tradutor para Libra justamente por causa disso, ou criar um tradutor que acabe traduzindo para Libra porém fazendo uma tradução extremamente longa e que dificultaria a leitura do surdo. Nesse ponto parece muito com tentar passar do japonês ou chinês pro português, as vezes vem cada tradução sem pé nem cabeça e termos sem tradução que mds XD.